sábado, 4 de março de 2017

“Sistemas políticos, família e projetos erram, mas as Escrituras não podem falhar”, afirma D.A. Carson


O teólogo D. A. Carson afirmou durante sua última participação no 19º Encontro Para a Consciência Cristã, que as escrituras são palavras de Deus e que não podem jamais cometer erros ao abordar o tema: “As Escrituras não podem ser deixadas de lado”, com base no texto de João 10:22-42.
“Sistemas políticos, a família e projetos são passiveis de erros, mas as Escrituras não podem falhar” – afirmou o preletor, referindo-se à credibilidade e ao valor que tem a Palavra, que foi inspirada por Deus. O mesmo utilizou textos do Antigo Testamento para análise do texto base, permitindo ver a lógica da argumentação de Jesus ao se referir como o próprio Deus, usando as próprias Escrituras, “que falam a verdade, são confiáveis, fieis e falham”. E esta é uma lição extremante preciosa os seguidores de Cristo.
Carson, que é também pastor e escritor dos mais conhecidos do povo evangélico espalhado pelo mundo, ressaltou a eficácia da Bíblia:
“Por meio da Palavra da Palavra de Deus, por meio da qual, podemos ter uma confiança, pois mesmo que os sistemas políticos, as famílias e até mesmo o próprio universo falhem, a Palavra do Senhor permanece eternamente, como Ela própria afirma em Isaías 40.8: Seca-se a erva, e cai a flor, porém a Palavra do nosso Deus permanece eternamente.”
De acordo com Carson, “se quisermos entender melhor a expressão de Jesus: ´As escrituras não pode falhar´, temos que entender todo o contexto dessa declaração feita por Cristo”. Ele dividiu o texto, dizendo que do verso 22 o 30, Jesus entra num debate com seus críticos, e termina essa parte dizendo: “Eu e o Pai somos um”. Isto, implicitamente, nos diz que Cristo é Deus. E é por isso que no verso 31 os judeus pegam as pedras para tirar porque Ele, supostamente, estaria blasfemando. E Jesus pergunta por qual das obras estava sendo apedrejado? Eu curei os doentes, alimentei os famintos, dei vida aos que estavam moribundos, expulsei demônios. E eles respondem:
“Nós não estamos lhe apedrejando por causa das boas obras, mas pela blasfêmia porque sendo você apenas um homem, está se fazendo de Deus” – relatou Carson o diálogo de Cristo com os judeus.
2018
Encerrada a edição de 2017, a VINACC, entidade organizadora da Consciência Cristã, já está programando a Edição Especial 20 Anos da Consciência Cristã, cujo tema central será: “Edificados Sobre a Rocha”. E vários palestrantes já foram definidos, a exemplo do missionário americano Paul Washer.
Outros nomes já estão confirmados: Ronaldo Lidório, Joaquim Andrade (SP), Jorge Issao Noda (PB), Heber Campos Junior (SP) e Hernandes Dias Lopes (ES).
Ascom
Foto: VINACC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...