sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Igreja Luterana vota à favor da união homossexual

Igreja luterana vota a favor de uma linguagem neutra nas cerimônias e aceitam que a união de pessoas do mesmo sexo sejam realizadas pelos pastores.
NORUEGA – Na última segunda-feira, a igreja Luterana votou a favor de uma nova linguagem cerimonial que permite que seus pastores realizem casamentos entre pessoas do mesmo sexo, nivelando-se à várias outras denominações no mundo, informou Reuters.
No ano passado, a conferência anual da igreja mostrou que quase 3/4 dos congregados respaldam o casamento entre pessoas do mesmo sexo.
A decisão durante a reunião foi tomada e agora devem alterar o texto do casamento para uma linguagem neutra em relação ao sexo, eliminando as palavras “noiva” e “noivo”. A nova liturgia entrará em vigor na próxima quarta-feira.
A Igreja “protestante” francesa passou a abençoar casamento gay, enquanto a Igreja Presbiteriana dos Estados Unidos aprovou uma mudança no texto da sua constituição para também incluir o casamento homossexual.
“Espero que todas as igrejas do mundo possam se inspirar nesta nova liturgia”, disse Gard Sandaker-Nilsen, líder da Igreja Público Open, um movimento dentro da Igreja Luterana que faz campanhas para mudar as regras.
Noruega tornou-se o segundo país do mundo, depois da Dinamarca, a permitir que pessoas do mesmo sexo registrem suas parcerias em 1993, e permitem o casamento do mesmo sexo desde 2009.
Em um estudo recente  mostra significativamente que 73% dos noruegueses eram membros da Igreja Luterana em 2015, de acordo com a agência de estatísticas nacional. O número diminuiu gradualmente nas últimas décadas, de acordo com Charisma News.

Com informações BTN
Imagem: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...